• CEPC

Dia Nacional da Matemática



O Dia Nacional da Matemática homenageia o escritor, matemático e educador Júlio César de Mello e Sousa, conhecido como Malba Tahan.

Mas o que levou à escolha dessa data? Essa pergunta é facilmente respondida ao conhecermos a história de Malba Tahan. Nascido em 06 de maio de 1895, no Rio de Janeiro, Júlio César de Mello e Souza (Malba Tahan) começou a lecionar aos 18 anos. Formou-se, posteriormente, em Engenharia Civil, mas nunca exerceu essa profissão. Muito apaixonado pela matemática e pela escrita, Júlio, que gostava de contar histórias, começou a envolver a matemática em seus enredos. Em 1918, levou cinco de seus contos a um jornal carioca, no qual chegou a trabalhar. Como não houve qualquer interesse em suas produções, assinou os contos como R. S. Slade, um pseudônimo para um fictício autor americano. Apenas após essa nova autoria, ele pôde ver um de seus contos publicado no jornal.

Malba Tahan, publicou 120 livros, sendo o de maior sucesso “O homem que calculava”, defende um ensino da matemática mais lúdico e contextualizado, desde o início do século passado, reinventando o modo de se ensinar e aprender álgebra, geometria e aritmética por meio de histórias, problemas, jogos e desafios, muitos deles ambientados no mundo árabe, sua grande paixão.

9 visualizações

CEPC 2018

SITE MANTIDO PELO CORPO DOCENTE DA ESCOLA

  • w-facebook
  • Instagram - White Circle
  • w-googleplus
  • w-youtube